Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saber mais

Modelos de comercialização / canais de venda

A criação de um negócio pressupõe a estratégia a implementar de forma a conseguir vender os seus produtos/serviços, assim apresenta-se as formas e canais mais comuns de levar produtos e serviços até aos consumidores. Ficando apenas de fora concursos de aquisição de clientes.

A comercialização de produtos assenta numa cadeia de distribuição que leva os produtos da fabrica até ao consumidor final, sejam pessoas colectivas ou individuais. Assim existem diferentes formas de fazer a comercialização, sendo este um dos pontos vitais em qualquer negócio. Vender.

Os canais de venda são variados, vão deste os canais mais antigos de comércio até às últimas tendências e formas de distribuir produtos, como o comércio electrónico, através da internet.

Comércio tradicional

O comércio tradicional é um dos canais de comercialização mais antigos, assentes num espaço comercial, vulgarmente designado de loja, expõem e vendem os seus produtos aos clientes locais e no caso de ser um estabelecimento especializado a todo o público alvo.

São por norma pequenos estabelecimentos comerciais situados em zonas ruas de grande grande passagem, para além de pertencem a empresários/empreendedores são também a vida das localidades. Sem comércio tradicional as ruas perdiam a sua vida!

Farmácias

As farmácias comercializam para além de medicamentos, todo o tipo de produtos de saúde e para o cuidado pessoal, assim os produtos de higiene têm uma presença forte neste sector. Destaca-se a comercialização de produtos dermatológicos, bem como todos os produtos de terapêuticos. Como Possuem uma grande credibilidade perante o consumidor é possível obter boas margens de lucro nos bens que vendem.

Grandes superfícies e comércio moderno

A introdução dos desta forma de fazer negócio,  grandes superfícies comerciais e os hipermercados vieram alterar por completo o mercado, conseguindo subir as suas vendas ano após ano, tal não é a concentração de consumidores nestes locais. Como local preferencial para as famílias fazer compras mensalmente, pulverizam o comércio tradicional que dificilmente consegue resistir a tal concorrência.

Redes de Franchising

O modelo de expansão de empresas e negócios, baseado na universalidade da marca, têm enormes benefícios na relação com o cliente, organizações e Marcas são por isso utilizar este sistema de expansão de negocio com enorme vigor. O facto de o risco maior estar do lado do empreendedor tem motivado o aparecimento de inúmeros conceitos  bastante semelhantes.

Cadeias de lojas

A presença em várias localizações aproxima o ponto de venda do consumidor, assim as empresas mais reconhecidas no mercado têm vindo a crescer no número de lojas ano após ano, já que a proximidade é muitas vezes um factor critico das vendas, assim estar no maior número de localizações, aumenta a exposição das marcas e também a sua notoriedade. Fazendo crescer as suas vendas.

Comercio electrónico

Sendo um meio recente nas transacções comerciais, só nos últimos anos conseguiu abranger a generalidade do território português, de longe o sector menos maduro para a comercialização de qualquer produto (exceptuando talvez o software) é também onde existe possivelmente as maiores oportunidades de entrada para a generalidade dos mercados, sabendo que pelos custos reduzidos de implementação e a concorrência terá um crescimento exponencial.

Venda por catálogo

Com base nas relações pessoais de cada um, todos podem vender produtos através de catálogos. É um método que consegue fidelizar os clientes facilmente, pois utiliza a rede de contactos dos comissionistas. Uma forma inteligente de vender produtos pois têm custos muito reduzidos, já que o pagamento é com base no desempenho dos promotores.

Lojas temáticas

Na expansão do negócio vão sendo criados vários nichos de mercado, assim podem ser encontradas empresas a actuar exclusivamente a uma única marca ou tipo de produto, criando uma especialização bastante favorável à venda. O nível de apoio e aconselhamento é elevado, já que é altamente concentrado.

Televendas

A televisão sempre foi um canal privilegiado de comunicação com massas, aproveitando essa abrangência e principalmente em horas de menores audiências, é normal a transmissão de anúncio de venda de produtos.  Normalmente este tipo de produtos não se encontra para venda em outros locais, o que torna o produto exclusivo da televenda.

Marketing directo

Seja através do convencional marketing por correio, através da imprensa escrita ou através de de um contact Center (evolução dos call centers) pode-se realizar a venda, não só de produtos mas principalmente de serviços. Se nas formas frias (correio e propostas de venda em jornais e revistas) existe uma reduzida taxa de adesão e concretização de vendas através das vendas mais pessoais as probabilidades de concretizar um venda são superiores, já que se podem tratar objecções de clientes. São uma forma de comunicar directamente com potenciais clientes com base em listas de clientes ou simplesmente bases de dados de clientes adquiridas.

Força de vendas

Um dos canais preferenciais para estabelecer relações comerciais com empresas (B2B) é através de equipas comerciais (vendedores, comissionistas, promotores, delegados comerciais, gestores de clientes, etc). A venda ocorre não só na base de clientes bem como pelo busca de novos clientes, apresentando soluções para satisfazer as necessidades. Aqui o factor confiança e credibilidade, não só do comercial bem como da empresa que representa são fundamentais para superar os concorrentes. Poderá-se também incluir as vendas porta-a-porta a consumidores finais ou também se incluem demonstradores de produtos.

Muitas são as formas de abordar o mercado, por vezes até se podem conjugar várias formas de angariar clientes.

Comentários

Os comentários deste artigo estão fechados.