Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saber mais

Dicas para escolher o nome para uma empresa

nomes-para-empresasUm dos aspectos vitais para alguns negócios passa pela escolha do nome (firma) para o negócio ou empresa, mas mesmo que não seja vital para as pretensões da empresa, um bom nome é sempre um bom nome. Assim pensei em escrever uma série de dicas ou ideias sobre a construção de nomes para empresas ou nomes para marcas.

Muitas das vezes o nome escolhido para o negócio dita o seu sucesso outras é o sucesso do negócio que eleva o nome do negócio tornando-o numa Marca.  Marca é quando o nome ou firma consegue reunir atributos. Atributos são características, por exemplo credibilidade, confiança ou ética.

Nome (o nome da pessoa) – Firma (nome da empresa) – Marca (designação comercial)

Uma das formas de dar a conhecer um negócio é a designação comercial, por exemplo: Café Central, é o nome porque o estabelecimento é reconhecido num espaço delimitado,  e não existe provavelmente nenhum registo para a utilização desse nome. Pois existem vários cafés centrais no país. Por isso é importante, escolher o nome distintivo, que nos diferencie de todas as outras empresas, uma verdadeira marca que se pode registar e assumir como nossa.

Este artigo visa apresentar possíveis caminhos para criar o nome de empresa ou nome para um negócio, que será possível transformar numa marca.

Nome pessoal

Utilizar o nome próprio ou apelidos é uma das hipóteses para criar a firma. Muitos são os empresários que utilizam o seu próprio nome ou apelido, existem vantagens, pois a associação de uma pessoa a um negócio credibiliza-o. Por vezes utiliza-se o nome de um familiar, mãe, pai, filhos, etc. Existe também facilidade na constituição de uma empresa, pois não é necessário pedir exame de confundibilidade.

Exemplos

  • Soares dos Santos
  • Teixeira Duarte
  • Jerónimo Martins

Marcas baseadas em coisas comuns

A origem das designações de marcas, utilizam muitas origem, por vezes são apropriações de palavras comuns e que as tornam suas, sendo uma forma simples de obter notoriedade com base na diferença. Por vezes as palavras são escolhidas de forma a simbolizarem uma determinada visão ou estratégia para a empresa.

Exemplos:

  • Continente
  • Apple
  • Sapo

Abreviatura de nome – Acrónimo ou sigla

As abreviaturas também são muito utilizadas para formar a marca, sendo abreviaturas da firma ou do nome do empresário através de uma sigla ou acrónimo. Sendo uma designação curta, favorece a memorização. Dando como exemplo o meu próprio nome, poderia ter: NC ou NCASI para Nuno Casimiro.

Acrónimo ou sigla é uma palavra formada pelas letras ou sílabas iniciais de palavras sucessivas de uma locução, ou pela maioria destas partes. Segundo a Wikipédia

  • EDP de Energias de Portugal.
  • PT de Portugal Telecom.
  • Cimpor de Cimentos de Portugal

Designações de Marcas com origem no passado

Utilizar referências às origens das palavras, como o Latim ou utilizam nomes de Deuses Gregos ou personagens do passado também são hipóteses viáveis para encontrar designações para marcas e nomes para empresas. Nesta página pode encontrar uma lista de Deuses Gregos. O alfabeto grego também apresenta também ele algumas possibilidades: Alfabeto grego

Exemplos:

  • Nike 
  • Omega

Língua estrangeira

Outra ideia é utilizar uma palavra estrangeira para designar a marca, por vezes é apenas o sinónimo da actividade comercial desenvolvida ou relacionada com a mesma. Existe uma infinidade de possibilidades. Tantas são as palavras e tantas são as línguas estrangeiras. Traduzindo a palavra dinheiro: Money, dinero, argent, soldi, geld e penger, obtemos várias possibilidades.

Exemplos:

  • MultiCare
  • Record

Firma relacionada com a actividade

A actividade surge muitas vezes ligada à firma que se escolhe, embora a firma possa ser diferente da marca. Sendo um acrónimo, a sua formação também dá pistas para formar uma palavra que se pretende seja a Marca.

Petróleos de Portugal formou PETROGAL, que depois se transformou em GALP e que por sua vez alterou para GALPENERGIA.

Apelido mais actividade

Construir uma firma para um negócio adicionando parte do apelido com silabas da actividade também é prática comum. Para realizar esta associação deverá combinar-se várias sílabas de forma a criar vário neologismos, depois será só escolher a que mais nos agrade, pode ser através da sonoridade.

  • MARTIns + FER ro= Martifer
  • Toyota Caetano (mix: Marca + Nome) formação de nova marca

Nome engraçado

Com a imaginação também se criam nomes para negócios ou nomes de empresas, interessa que sejam curtos e de fácil memorização. Associar objectos como animais, frutas e outros objectos também é comum. As técnicas são várias, podemos utilizar técnicas para a geração de ideias de forma a encontrar uma palavra que satisfaça as pretensões, ou um leque de palavras que irá a votação.

Exemplos:

  • MEO
  • ZON
  • PINGO DOCE

Nome para aparecer no Topo

Existem empresas que escolhem o nome AA (qualquer coisa) pois em listas ordenadas alfabeticamente surgem no topo dessas listagens. Não sendo muito utilizado o AA, não pode deixar de ficar em cima da mesa. Também se pode considerar utilizar apenas o A  para fazer distinção de outras empresas.

Exemplos:

  • A Padaria
  • A Bola

Nome optimizado para a internet

Na internet o nome escolhido tem muita importância,  pois pode facilitar a optimização para os motores de pesquisa, o que facilita o contacto com potenciais clientes. Mas nem sempre é o único caminho. O branding também é um factor a ter em conta. Muitas são as técnicas para escolher domínios, poderá ver os artigos que abordam este tema na secção : domínios de internet.

Exemplos:

  • COMPRAR CASA – comprarcasa.pt (rede imobiliária)
  • EMPREGOS ONLINE – empregosonline.pt (site de emprego)
  • TRESPASSE – trespasse.com (site de compra e venda de empresas e trespasses)

O nome do negócio deve ser uma Marca, ou transformar-se numa

O nome ou palavra deve ser uma Marca ou tornar-se numa. Nem todos os negócios necessitam de um nome forte ou uma Marca para terem sucesso. Por vezes é o sucesso que cria a própria Marca. Pois uma Marca é um conjunto de atributos percebidos num símbolo (pode ser verbal ou visual). Que cria uma associação instantânea sobre o negócio, seja um símbolo  uma palavra, um slogan ou uma forma de estar no mercado.

Criar uma marca não é fácil, e pode custar muito dinheiro, as grandes organizações gastam fortunas para criar ou reformular a sua imagem e o seu branding.  Associar atributos a um nome, a um negócio ou empresa não é fácil e requerem um esforço continuado, um investimento. Por exemplo dotar uma marca de credibilidade pode demoram bastante tempo.