Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saber mais

Taxas de juro baixas! Oportunidade ou ameaça?

As taxas de juro estão a níveis historicamente baixos, infelizmente estas notícias vêm sempre acompanhadas de factores negativos, o clima económico não parece favorável. A taxa de desemprego também está em níveis históricos, mas em alta.

Infelizmente quem perdeu o seu posto de trabalho vê-se numa situação temporária complicada, ou não, se for empreendedor e aproveitar as ajudas do Estado à criação do seu próprio posto de trabalho poderá ser até uma janela de oportunidade para a criação do seu próprio negócio.

Poderá ser uma oportunidade  para o sucesso financeiro e pessoal. O espírito positivo ajuda em todas as situações especialmente nas horas mais difíceis. O facto das taxas de juro estarem baixas gera vantagens e desvantagens.

A oportunidade das taxas de juros baixas

Recorrer ao crédito para investir é mais acessível e investir na aquisição de casa própria é um desses exemplos. Apesar de ser necessário uma boa relação com o banco e algum dinheiro para dar de entrada no imóvel para poder contratualizar o empréstimo bancário.

Investir na aquisição deimobiliário pode ser hoje uma atitude inteligente, especialmente se for em zonas turísticas ou até mesmo no centro das cidades. As oportunidades em leilões imobiliários são formas para encontrar casas a preços de saldos. Estes imóveis contam por vezes com condições especiais de financiamento já que os bancos negociam dinheiro e não imobiliário. Com as crises vêm também as oportunidades, o mal de uns é o oportunidade para outros.

Investir no mercado de valores mobiliários (Bolsa de valores) também pode ser uma solução pois a recuperação económica tende a ser antecipada nestes mercados. Se não se sente confortável com o investimento directo em acções saiba que o poderá fazer com recurso a profissionais através dos fundos de investimento sendo um óptimo produto para diversificação dos seus investimentos e património.

A ameaça das taxas de juro baixas

A falta de controle no recurso ao crédito pode ditar dificuldades no futuro, nomeadamente quando as taxas de juro voltarem a subir. Simular os diferentes cenários não será meramente um conselho útil mas sim obrigatório. Considerar o cenário de taxas de juro próximas dos 5% não é irrealista se olhamos para o ano de 2015/16.

Os juros baixos também podem aumentar o consumo privado, aliás as taxas descem para terem esse efeito, consumir mais e poupar menos para estabilizar as economias. Poupar é sempre necessário para se precaver de situações complicadas no futuro.

Como não é atractivo fazer aplicações quando as retribuições são baixas a tendência é um maior consumo. O pior é que sem investimento não é possível ambicionar uma estabilidade financeira futura, de acordo com o perfil de investidor, dever-se-á fazer a selecção dos investimentos e/ou negócios a realizar.

A ter em atenção

Fazer aplicações de capital num horizonte temporal superior a 3 anos deve ser muito bem ponderado pois se as taxas iniciarem a sua subida poderá estar a subscrever um produto que não tráz os maiores benefícios, leia-se rendimentos. Assim é importante  sempre verificar se existem penalizações de juros por movimentação antecipada de fundos, até porque, em momentos de maior turbulência, pode ser necessário recorrer às reservas ou poupanças para superar eventuais dificuldades.


Siga-nos também em Follow

Comentários

Os comentários deste artigo estão fechados.