Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saber mais

Soluções de emprego temporário

Para quem está numa situação de desemprego todas as soluções que pareçam viáveis para manter o tempo preenchido e ao mesmo tempo conseguir progredir positivamente em termos financeiros podem ser uma boa hipótese. Muitas pessoas optam por soluções temporárias para conseguir manter-se acima da linha de água. Algumas soluções nem sempre são bem sucedidas mas outras existem que bem conciliadas poderão melhorar as condições financeiras. Nem sempre é fácil encontrar uma nova ocupação profissional.

Uma boa forma de começar com um emprego temporário é inscrever-se em agências próprias para o efeito. Existem centenas de agências que se dedicam a oferecer aos interessados soluções de emprego no curto prazo, e uma das soluções passa pelo registo nos sites dessas agências e esperar que seja contactado. Se por outro lado não está muito familiarizado com a Internet, é uma questão de procurar agências com escritório na sua área e deslocar-se lá para efectuar a sua inscrição. Entregar Curricula (CVs) por tudo o que é empresas da area de residencia, ser pro-activo na busca de emprego.

Uma ideia é encontrar 2 ou 3 part-times

Esta é talvez a forma mais usual de encontrar emprego temporário. No entanto existem outras.

Criação de um pequeno negócio

Uma delas, a que tem sido cada vez mais usada pela sociedade portuguesa é a criação do seu próprio negócio. Não é considerado a abertura de empresa/negócio um emprego temporário, mas apostar na confecção de algo que faça de bom agrado e com alguma facilidade pode trazer-lhe muitas benefícios. Se tem jeito para trabalhos manuais porque não experimentar vender alguns dos seus trabalhos, colocar online um “catálogo”, passar a palavra pelos amigos verá que consegue tirar uma boa renda mensal a fazer algo que sabe e gosta. Existem muitas ideias de negócios, que pode ver aqui ou aqui.

Vendas

Uma outra solução é a venda por catálogo, cada vez existem mais empresas de venda por catálogo e com boas comissões. Se vender a pessoas conhecidas e elas recomendarem a outras pessoas poderá fazer uma boa quantidade de vendas mensalmente e conseguir ainda tirar uma boa renda. A grande vantagem é que este é um “emprego” que pouco tempo lhe tira podendo assim conciliar as vendas com outro emprego temporário.

Em jeito de conclusão pode manter um (ou mais) empregos temporários a fazer aquilo que melhor sabe, ou a promover um serviço onde tem um bom desempenho. Pode ainda conciliar mais do que um emprego temporário pois normalmente ocupam poucas horas diárias.

Mesmo quando existe pouca oferta de emprego, existem sempre algumas oportunidades.

Encontrar emprego pode ser fácil

Seja qual for a situação do país é sempre fácil encontrar emprego, não quer dizer que seja o emprego ou trabalho que ambiciona, mas provisoriamente é possível. Para encontrar e conseguir um emprego de forma fácil terá provavelmente de abdicar de algumas ambições ou até mesmo de desvalorizar a retribuição pretendida inicialmente. Poderá ser apenas um emprego temporário. É aconselhável continuar no mercado à procura do ambicionado e novo posto de trabalho.

Um dos sectores que está sempre disposto a aceitar novos “empregados” é o das vendas, contudo não é o único, a restauração e retalhistas tem sempre ofertas de emprego, e não é por acaso. Se as condições fossem soberbas não haveria estas vagas. Mas existem empresas que apostam em fracas condições remuneratórias para poderem prestar serviços a preços competitivos.

Ninguém gosta de receber pouco

Os sectores que pagam o Salário Mínimo Nacional decerto têm dificuldade em segurar pessoas, afinal é o mínimo. Qualquer empresa que pague acima deste valor pode reter mais facilmente o pessoal, não é de admirar que as taxas de rotação de pessoal no sectores que pagam o SMN sejam altas.

As condições não são as melhores, mas para resolver uma situação temporária pode muito bem ser a solução. Encontrar emprego é fácil, o pior é que esses empregos ninguém os quer!!


Siga-nos também em Follow

Comentários

Os comentários deste artigo estão fechados.