Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saber mais

Poupar dá trabalho

Poupar não é só deixar de gastar, é optimizar recursos, organizar, ou seja por vezes para poupar é necessário realizar tarefas ou acções com vista a poder gastar menos. Assim tem de se trabalhar a poupança, dedicar algum tempo a encontrar formas de poupar e depois podemos canalizar essas poupanças para investir ou dar a nós próprios alguns “mimos”.

Se ao organizar coisas pode-se ganhar espaço, organizar e redefinir os serviços que adquirimos frequentemente gera por si também poupanças isto porque as coisas muda e o que era bom no passado pode já não o ser.

Organizar também dá trabalho: ideias para ganhar espaço

Por exemplo, rescindir contratos com assinaturas de revistas ou de organizações em que somos sócios também dá o seu trabalho, mas sem rescindir continuará a ser debitada na conta bancária a mensalidade ou anuidade dos serviços. O pior é que por vezes nem se usufrui minimamente dos benefícios de ser sócio.

Um pequeno exemplo: o Inatel, possui uma anuidade bastante baixa, contudo se se passam anos e anos sem usufruir dos benefícios acabam por não ter utilidade alguma tornando-se num desperdício financeiro puro.

As minhas poupanças recentes

Os últimos tempos têm sido dedicados à organização de pequenos projectos online, com vista a reduzir os custos, se no passado reduzi em 50% os domínios de internet que possuía, desta vez a ênfase foi nos custos em alojamento web. Assim transferi cerca de 20 sites para uma nova conta de alojamento, eliminando 2 contas. A poupança financeira até nem foi muito significativa, mas foi mais um pretexto para avaliar a continuidade desses projectos.

A grande poupança vai ocorrer com a eliminação de uma conta num servidor de email marketing, a rentabilidade deste investimento era muito duvidosa, tal como os benefícios (para mim e para os subscritores da newsletter do investidor.pt). Na verdade, transferi os subscritores dum outro projecto para outra entidade que fornece os serviços gratuitamente, o que originou uma poupança de 29$ mensais, é quase o dinheiro para pagar um almoço.

A propósito desta alteração de servidores, acabei por reformular o meu site de apresentação pessoal, agora no endereço: www.nunocasimiro.com. Vou tentar dar a conhecer um pouco mais de mim;-)

Alguns artigos sobre poupança, que podem ser de interesse para quem quer poupar:

A verdade é que sem trabalho e organização é fácil desperdiçar dinheiro, assim dedicar algum tempo a este tema permite usufruir ou utilizar melhor os recursos que dispomos. Pois a poupança, permite-nos investir ou canalizar os ganhos para pequenas satisfações pessoais. Utilizar melhor o dinheiro que dispomos torna-se indispensável nos tempos que correm, o dinheiro é cada vez mais escasso, utiliza-lo com racionalidade não é mais do que obrigatório, a menos que sejamos milionários ;-)

Poupar não é diferente de investir

Tudo dá o seu trabalho e demora o seu tempo a ser concretizado. Investir dá trabalho, pois é necessário seleccionar os activos onde se vai alocar a poupança, criar um negócio, dá ainda mais trabalho, pois é necessário acompanha-lo permanentemente, tal como os investimento mais arriscados. Por exemplo para investir na bolsa pressupõe uma série de requisitos fundamentais para poder ganhar dinheiro: Como investir na bolsa.

As recompensas ocorrem sempre no fim de um processo e as poupanças confirmam essa regra, são necessárias acções hoje, para poder poupar no futuro. Saber utilizar os recursos que dispomos é cada vez mais uma condição para poder ter ou manter uma situação financeira familiar equilibrada, tal com possui um orçamento de finanças pessoais.

Onde existe um custo, existe uma oportunidade de poupança


Siga-nos também em Follow

Comentários

  1. Miguel Pires diz:

    “O dinheiro não gosta de quem não tem tempo para ele. Por outro lado, a vida não gosta de quem só tem tempo para o dinheiro” – Jurandir Sell Macedo Jr ;-)

  2. Miguel Pires diz:

    “Fica rico quem se sente rico mesmo antes de ser” – Lei da atração

  3. Miguel Pires diz:

    “O dinheiro não traz felicidade mas a falta dele torna-te infeliz de certeza” – Miguel Pires :-)