Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saber mais

O negócio da publicidade e divulgação

As empresas que querem vencer ou simplesmente sobreviver têm de se dar a conhecer. Existem formas gratuitas de o fazer, como as Relações Públicas contudo os anunciantes/empresas não controlam totalmente o processo de comunicação. Pode-se comunicar de muitas formas, umas com maior eficácia que outras. Se a publicidade é um mercado de milhões, existe forma que ganhar dinheiro com isso.

Como conceito ou definição  podemos dizer que a Publicidade tem que alcançar um público alvo, enviar uma mensagem ao receptor, baseia-se na repetição e é controlado pelo anunciante. Novas formas de fazer publicidade vão surgindo outras entram em colapso.

Para actuar na área da publicidade existem 3 grandes grupos:

  • Agências de publicidade – Criam os anúncios.
  • Agências de meios – Oferecem locais para os colocar. Intermediários
  • Meios de publicidade – Donos dos meios. Suportes de comunicação.

Nos suportes é onde parece estar o melhor negócio. Se uma agência de publicidade, cria o anúncio, este terá de ser exibido num qualquer sítio: os meios da publicidade. Quem controla o suporte é o proprietário. Assim é apetecivel ser proprietário de suportes de comunicação. Um simples site pode ser a montra para uma empresa que esteja ligada aos assuntos abordados.

Existem muitos locais onde se pode fazer a divulgação de anúncios, desde os meios mais convencionais às novas formas de atingir os públicos. Televisão, rádio, imprensa (jornais e revistas), paredes de edifícios, outdoors, cartazes, placas, internet, publicidade móvel e mais um conjunto de outras formas!

Se os meios mais tradicionais de comunicação têm vindo a perder influência junto dos consumidores, existem outros que se insurgem conquistando partes significativas dos orçamentos de comunicação das empresas.

Publicidade é captar a atenção das pessoas para algo.

Se os profissionais de Marketing querem que a notoriedade das suas marcas, produtos ou serviços vençam neste num mercado em que existe cada vez mais concorrência, têm de comunicar cada vez mais e de forma mais eficaz, a segmentação mais apertada é talvez o caminho.

Publicidade tradicional

Publicidade multimédia. Um canal tradicional de comunicação com as grandes massas. Tem havido grandes transformações, levando os anunciantes a segmentar mais os seus anúncios e exibindo-os ao seu verdadeiro público. Em televisão, o surgimento de canais temáticos veio dar um novo alento às empresas pois estar a anunciar para um audiência generalista onde os resultados estão longe de ser medidos com rigor e os altos preços praticados não são muito justificados.

A publicidade na imprensa escrita também tem vindo a perder o vigor de outros tempos. A criação de múltiplas revistas e jornais fizeram dispersar os públicos reduzindo a quota de penetração destes meios. Sem o devido ajuste nas tabelas de preços dificilmente se consegue vender a totalidade dos espaços disponíveis. Existem sempre excepções!

Publicidade na internet

A internet posiciona-se para conquistar o mundo da publicidade nos próximos anos, uma vez que a taxa de utilizadores sobe diariamente e dentro de uns anos não existe quem não a utilize frequentemente. A segmentação dos públicos é facilitada através dos cookies,  os anúncios contextuais (anúncios relacionados com o tema exibido) são a maravilha do mundo online. Já para não falar nas ferramentas de medição de resultados, exemplo: o número de visitantes alcançados através de determinado local, o número de vendas proveniente de visitantes vindo do site x ou y. Portugal ainda tem muito para crescer neste canal de comunicação. ( eu já cá estou!)

A publicidade em locais fixos, tem crescido também muito. É normal ver ao lado de vias de grande movimentos imensas estruturas metálicas com o “anuncie aqui”. As paredes e telhados junto destas estradas também podem servir de suporte. Existem grandes empresas que detêm grande parte destes suportes, mas qualquer um pode ter interesses neste negócio. Para além da estrutura de suporte aos anúncios é necessário pedir uma licença camarária para a sua instalação e exploração.

A publicidade móvel têm evoluído muito. Veículos com megafones a anúnciar qualquer coisa, carrinhas com cartazes a circular pelas cidades, carros publicitários, empresas de camionagem com anúncios nos seus reboques, publicidade nos tejadilhos de táxis, etc… As novas formas de comunicar, seja direccionado ou para o público em geral não se esgotam. Praticamente tudo pode ser utilizado para comunicar, se for interessante para os anunciantes, temos negócio.

Ideias para explorar no mundo da Publicidade

  • Publicidade na “barriga” de aviões
  • Publicidade em gruas de construção civil
  • Publicidade em tampões de automóveis
  • Publicidade em tejadinlhos de automóveis

É curioso que algumas empresas não utilizam as suas próprias viaturas para promover o seu negócio. Será que não necessitam de notoriedade, mais clientes ou mais vendas? A optimização de recursos é importante. Tirar partido do que se tem é optimizar recursos!

Sem Publicidade não era possível conhecer grande parte dos produtos e serviços que são lançados. Tal como convencer os consumidores a compra-los de forma massiva.


Siga-nos também em Follow

Comentários

Os comentários deste artigo estão fechados.