Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saber mais

Investimentos alternativos que se podem realizar

notas de LibrasApós escrever o artigo de ajuda a quem está agora a querer iniciar os primeiros passos nos investimentos, seria importante colocar aqui uma lista mais ou menos extensa dos investimentos que podemos realizar que vão muito para além do portefólio de activos que que podemos fazer nos mercados financeiros. Já que são apenas uma das formas de fazer investimentos.

Podemos também considerar os investimentos alternativos às aplicações financeiras tradicionais, onde se podem incluir: Fundos , índices, derivados, hedge funds, fundos, forex, swaps, etc.

Estes últimos não são de certeza os mais recomendados para a generalidade das pessoas, logo não é desses que vamos falar. Até porque a ideia é ajudar as pessoas a ganhar dinheiro, não a perde-lo!

Investimentos alternativos que são uma opção para aplicar o seu dinheiro:

Projectos empresariais

A criação de um negócios próprio é uma das formas de investir que maiores vantagens trás e a menos promovida. Existem tantos bons negócios que às vezes o mais difícil é mesmo seleccionar um que satisfaça as pretensões das pessoas, nas componentes risco/investimento e actividade. A criação de um negócio é a rampa de lançamento para o mundo empresarial, com as vantagens que conhecemos.

Investir em arte

A arte e as antiguidades envolvem milhões, quando vemos certos leilões peças saírem por valores astronómicos temos a noção que este é um mercado altamente apetecível. Claro está, que para além dos recursos necessários para investir é necessário um grande conhecimento, até para não ser enganado. Não sendo um sector que conheça, parece-me que merece atenção e estudo do futuro.

Investir em metais preciosos

Os investimentos em metais preciosos, podem ser realizados de 2 formas, via directa onde se detêm o bem em casa ou num cofre (recomendado) ou através de fundos de investimento. Claramente é uma forma de reservar valor, contudo não gera rendimentos, pois é sabido que em tempos que as moedas se auto destroem os metais mantêm o seu valor. Apesar de actualmente ser altamente arriscado entrar nesse tipo de activos (basta olhar para os gráficos!) existe sempre forma de ganhar dinheiro.

Investimento através de coleccionismo

Neste tipo de investimento podemos considerar quase todo o tipo de colecções, se a tradicional numismática ou filatelia parecem ser o expoente máximo, existem colecções, por exemplo automóveis clássicos ou balanças que permitem obter rendimentos através de exposições.

Investir em pessoas

Hoje os desportos estão em alta, e as performances dos atletas originam mais valias fantásticas, investir no passe de um jogador pode proporcionar altos rendimentos. Contudo este tipo de investimentos não estão acessíveis à maioria das pessoas, a alternativa são fundos de jogadores, com muito menores possibilidades de obter bons rendimentos.

Investir em artistas, não é muito comum nos dias de hoje, mas como vemos determinadas obras (pinturas, esculturas, obras literárias, etc) conseguem atingir certos valores e com as verbas despendidas astronómicas para a sua aquisição, fico impressionado, por ainda não ter ouvido falar de mecenas como no século XV, onde se patrocinava os artistas proporcionando tudo para estes desenvolverem as suas capacidades e criatividade. Ser patrocinador de pessoas que podem marcar os novos tempos. Pode ser um negócio bem bonito.

Investimento em Imobiliário

Como referi logo nos primeiros artigos deste projecto, o imobiliário é um dos melhores investimentos, contudo também traz muitos inconvenientes. Apesar de tudo e para quem tenha capital disponível é sempre bom estar atento às oportunidades que vão existindo, especialmente quando são colocados à venda através de leilão, pois pode-se fazer grandes negócios. Nunca esquecendo também o risco!

Conjunto de artigos relacionados com o imobiliário pode ser vistos: aqui

Investimento em domínios

Se a exclusividade pode ser fonte de rendimento, os domínios de internet pelas suas características são uma oportunidade, mas também acarretam alto risco, principalmente por ainda ser muito pouco divulgado, especialmente em Portugal, onde não há exemplos da venda de domínios, os maiores negócios na internet efectuados foram compra de websites.

Investimento através de capital de risco

Apoiar directamente a concretização de ideias de negocio ou simplesmente ser sócio de pequenas empresas é uma forma de estar no mundo dos negócios empresariais de forma puramente financeira. É diferente de investir em acções, pois pode ter mais facilmente e com menos recursos um palavra a dizer na gestão da empresa e no planeamento dos investimentos que esta irá realizar.

Investimento na agricultura

Podendo investir de forma empresarial em todos os sectores, a agricultura exclui-se um pouco desse âmbito se for realizada com o objectivo da subsistência, ou seja produzir para consumo próprio. É um investimento que não é rentável, se apurarmos o custo dos produtos produzidos, mas não deixa de ser

Investimento em conhecimento

Um dos melhores investimentos é investir em nós próprios, pois o conhecimento e a capacidade de gerar riqueza, está no que se sabe, depois é só transformar essas competências em dinheiro. António Champalimaud é um desses casos de inspiração, pois em 1974 partiu para o Brasil sem nada, e construiu um império ainda maior do que o que tinha deixado em Portugal. Um verdadeiro caso de empreendedorismo que pode servir de inspiração a muita gente (incluindo eu)!


Siga-nos também em Follow

Comentários

  1. idalina diz:

    boa tarde, gostaria de pensar em alguma coisa, com o valor de investimento baixo pois estou numa situação económica muito difícil, a agricultura seria uma opção. tenho muita vontade de trabalhar nesta are em part-time