Importar da China para vender em Portugal

Não é segredo para ninguém que os produtos chineses têm preços imbatíveis, devido a muitos factores, entre os quais o custo da mão-de-obra. Assim é possível encontrar verdadeiras pechinchas no mercado chinês. A ideia é fazer a importação e colocar os produtos à venda.

Pessoalmente não nutro grandes simpatias por este tipo de negócio, contudo e como me parece um negócio altamente lucrativo, resolvi dar aqui um exemplo de como as coisas podem ser muito simples, permitindo a quase qualquer um, ganhar um dinheiro extra, ou em contrapartida utilizar a informação para poupar em compras, pois pode comprar directamente aos fornecedores os bens que acha úteis.

Um exemplo muito practico

Basta fazer um pesquisa no Google.pt por “cigarros electrónicos” que vai encontrar logo vários sites que vendem cigarros electrónicos, com valores a rondar os 20 a 30 Euros, quer saber quanto custaram? Eu já lhe digo. E até digo onde foram comprados. Não existem segredos! Irá reconhecer as imagens que se seguem.

Temos de louvar o espírito empreendedor destes vendedores /empreendedores, é que é necessário algum trabalho para colocar tudo a funcionar (comprar / receber / site / vender / entrega).

Cada maço de cigarros electrónicos custa + ou – 5 ou 6 euros (já com transporte incluído) e são comprados através do seguinte site.

Não é preciso contentores

Quando se pensa e importar da China, pensa-se em contentores cheios de produtos, onde podemos ser enganados caso façamos tudo via email, carta ou telefone. Em investimentos de maior monta é até frequente deslocações para controlo de qualidade, etc. Pensasse onde se vai armazenar as mercadorias, como tratar da documentos relativos à importação, existem muitas empresas que fazem isso, mas a intenção deste artigo é mostrar um outro lado. Para iniciar um pequeno negócio de importação basta ter pouco mais do que 100 Euros!

Os produtos que têm mais sucesso e que nutrem mais adeptos são os ligados a produtos tecnológicos, como os gadgets, tudo o que é aparelho electrónico, existe um mundo por explorar! Tudo da China!

Os sites mais famosos para comprar na china

DealExtreme

Sendo o mais recente de todos os sites é também o mais fácil de utilizar, os preços dos produtos são visíveis, incluem o transporte e ainda são decrescentes se comprar mais quantidade. Muitos produtos electrónicos e também uma secção de produtos para adultos.

Pode visitar o DealExtreme aqui

Alibaba

Directório de fornecedores mundiais, é possível encontrar practicamente tudo, pois a listagem é bastante extensa, permite contacto directo como os fornecedores, contudo tem a grande desvantagem de não apresentar preços, sendo por isso sempre necessário fazer consultas. O que dificulta até o processo de comparação de preços entre fornecedores dos mesmos produtos. A China é uma dos principais países, mas existem muitos mais.

Pode visitar o site alibaba aqui

Ebay

No maior site do mundo de leilões também se pode adquirir produtos vindos da China, contudo a maior parte é através de leilões o que representa um grande perda de tempo, para além das pesquisas não serem fáceis. Estar a licitar por pequenas quantidades ou nos negócio de valor fixo as oportunidades não são muito tentadoras.

Pode visitar o ebay  aqui

Como se processa tudo

  1. Faz a compra  num destes sites/outros (pagamento via Paypal ou cartão de crédito)
  2. Recebe o artigo em casa, via CTT ou transportadora
  3. Coloca à venda em site próprio ou em sites de classificados/leilões
  4. Vende e faz o envio da mercadoria
  5. Reinveste os lucros, compra mais artigos

E através de um estabelecimento comercial

O artigo é baseado em negócios através da internet, mas existe quem invista num espaço  físico para venda deste tipo de material, pois o comércio electrónico não estão ainda muito desenvolvido em Portugal. Aliás podem ser visto em muitas lojas de renome venderem este tipo de artigos, onde que penso as lojas de acessórios e bijutarias para mulher são as rainhas.

Nota final: Atenção: a concorrência caso queira embarcar neste negócio é forte. Fiz uma pequena análise e já existem bastante pessoas a fazer o que demonstrei atrás. Não só para cigarros, mas como muitos outros produtos, falta saber é o que ainda não está a ser explorado!

Este artigo este inicialmente para chamar-se “Como ganhar algum dinheiro com venda de produtos online” , mas como o negócio incide sobre a importação da China utilizei este, afinal é quase a mesma coisa, são mesmo negócios da China!

Subscrever actualizações

rss

Comentários

  1. Jose Silva diz:

    Boa tarde

    Sou investidor e estou disposto a receber proposta para investir em artigos vindo do oriente. Gostaria de receber propostas de empresários e distribuidores destes artigos.

    Para os interessados, faço exportação de vinhos portugueses de uma quinta específica no Douro(Peso da Régua), a preços muito competitivos. Somente grandes quantidades. Obrigados

    • Marques diz:

      Bom dia Sr. Silva,
      Sou gerente de uma empresa que importa produtos da china e distribui em Portugal e outros. A minha maior dificuldade é conseguir importar grandes quantidades para poder diluir o preço e conseguir ser altamente competitivo na distribuição.
      Se achar que pode ser interessante estou á sua disposição para reunir e conversar, sem compromisso.
      Cumprimentos,
      Marques

      • nuno pinto diz:

        eu estou a procura de fornecedores de todo o tipo de produtos alimentares e de higiene para eu vender a 1euro se que me pode ajudar gostaria de iniciar abertura de uma loja no porto

    • Pedro Silva diz:

      Sr. Jose Silva, gostaria de poder falar consigo ou trocar alguns emails, pois somos uma empresa de trading que se dedica tanto a Importação como de Exportação. Não temos um produto especifico. Normalmente se o produto tiver qualidade e preço competitivo consegue-se fazer algum tipo de negócio. Contacte-me para pedro@rbtrading.pt

  2. Marques diz:

    Sr. José Silva,
    Pode contactar-me pelo dmm123stiforp@gmail.com

    Cmps,
    Marques

  3. João Pedras diz:

    Bom dia

    Importando produtos da China para Portugal, como se processa ou quais os procedimentos com a alfandega? Há algum tipo de acordo entre paises? Onde posso consultar as taxas ou tabelas de taxas aplicadas?

    Cumps
    João Pedras

  4. Filipa diz:

    Boa noite, eu também pretendo importar produtos da China para Portugal, mas as transportadoras pedem valores elevados, e todos os fornecedores com quem contacto na China, exigem-me uma conta numa transportadora…há alguma forma de contornar a situação? Poderei através de intermediários obter um “espaço” em contentores, tendo um número de conta através de intermediários, que possa facultar aos fornecedores?
    Obrigada.
    Cumps
    Filipa Augusto

  5. Sandro sousa diz:

    Eu tenho um produto que os chineses adorão ,ostras,se alguém souber como exportar para lá???

  6. Marco diz:

    Alguem sabe se haverá armazens chineses de revenda em Portugal? Se existem grandes comercios chineses cá, provavelmente eles terao ja os seus proprios armazens, pois nao tem que importar grandes quantidades como pagar altos valores na alfandega. Se alguem souber se existe, ou estiver interessado em vender, contacte me atravez do meu email ….mfsilva_8@hotmail.com
    Cumprimentos.

  7. Sonia Vasconcelos diz:

    Boa tarde,
    Desejo comprar roupa da China, mais uma vez que vai ter de ser a volta de 100 ou mais peças precisava saber se tenho de pagar alguma coisa nos correios ou alfandega.

    Obrigada

  8. Sofia diz:

    Boa noite, alguém me sabe indicar algum fornecedor de roupa e calçado que possa vir da china para portugal?

  9. silvio diz:

    voce devia ter analizado bem essa situacão antes de publicar o texto como uma boa “dica de negocio”.
    Ja encomendei produtos da China e há ENORMES dificuldades.

    1· Um artigo da China pode demorar até um més a chegar a Portugal, algumas vezes nunca chega (extravia-se).

    2. Por vezes o “barato” sai caro, pagam-se taxas de alfândega e só depois pode levantar-se a encomenda nos ctt.

    3. Se forem gadgets electronicos, mjitas vezes têm problemas e nem funcionam, por exemplo cameras digitais, telemoveis etc. Depois os clientes reclamam, e como é que se faz uma troca?
    Envia-se o produto novamente para a china e espera-se mais 1 mês e paga-se novamente taxa alfandegária??

    ps; Mesmo sem fazer stock (método dropshipping) ha o mesmo problema

  10. Diogo diz:

    Boa Tarde,
    podem ajudar?
    ja alguem comprou no alibaba? pagaram alfandega? é seguro?
    obrigado

  11. manuel diz:

    estou interessado em exportar para Moçambique todo o artigo de colchas. estas sao de cores atrativas

  12. Isabel diz:

    Olá caro Nuno Casimiro,
    Tenho lido os seus textos e recomendações com alguma regularidade. são sempre uteis.
    Neste momento procuro um investidor para um projecto ligado à saúde. O valor do investimento é de 25.000,00 euros. O dinheiro não rende nada no banco e chegou a altura de alguns portugueses mais afortunados procurarem alternativas de ter rentabilidade. Aqui estamos a falar de rentabilidade mensal garantida. Trata-se de investir num projecto de compra de equipamentos ligados à saúde e bem estar para fins de aluguer a clínicas e espaços de saúde. É um negócio tranquilo, seguro, sem risco, que distribui dividendos mensais. Um projecto totalmente inovador na área da saúde e 100% seguro. Conhece algum investidor que possa estar interessado? Posso dar mais informações através do meu email: isabel38lx@gmail.com

    • Nuno Casimiro diz:

      Olá Isabel

      Agradeço o seu comentário

      Infelizmente, não possuo capital neste momento para investir.

      Votos de sucesso

  13. joao diz:

    A ideia deste negócio é realmente boa no entanto poderá induzir muita gente em erro.
    Falta referir o pormenor mais importante deste tipo de negócio e constitui um dos maiores riscos: o desalfandegamento dos produtos.

  14. Silva diz:

    Boa tarde.
    Pode mandar mais detalhes.
    Comprimentos.
    Obrigados/as.

  15. joaquim silva diz:

    eu estou interesado em abrir loja de produtos para venda a 1 euro , como comecar ? como importar o material? se existe empresa que fornece o material ?

  16. Vanessa diz:

    Boa tarde. Estou interessada em “abrir” uma loja virtual de artigos de vestuário e acessórios, todos vindos da China. A minha questão é: não é ilegal fazer a revenda desses produtos?

    • Vera Batista diz:

      Bom dia Vanessa, a sua ideia parece muito interessante, nomeadamente para mim que me encontro desempregada e cheia de vontade de começar um negócio. Estaria disposta a ponderar uma parceria?

  17. João diz:

    - Boa noite, ultimamente também tenho pensado nessa possibilidade de trabalhar no negocio de importar e vender artigos da china,Vanessa pelo que tenho pesquisado penso que não é ilegal mas tem que ter uma empresa e pagar os respetivos impostos sobre as importações e lucros gerados com as vendas.

  18. piedade diz:

    pergunta ignorante: us$100 equivale a quanto em euros e que dinheiro é aquele?

  19. Moravia diz:

    Caro Nuno, suponha que contactou uma fábrica de sapatos para comprar sapatos a preço de revenda para depois os vender. Porém dizem-lhe que o seu NIF cessou actividade há uns anos e que portanto não lhe podem fazer preços de revenda. O Nuno está mesmo interessado em comprar estes sapatos. Como vai fazer a coisa em termos de Finanças (impostos)?

    • Nuno Casimiro diz:

      Olá Moravia

      É fácil, vai às finanças abrir actividade, de modo a possuir condições para efectuar essa compra.
      Depois ….
      Como comentou com vários emails, a minha explicação fica por aqui :-)

      Votos de sucesso

  20. Carlos diz:

    Boa tarde pessoal.

    Estou estudando a possibilidade de importar motos4 para Portugal.
    Alguem tem experiencia e que possa dar conselho como se processa toda a burocracia etc.

    Obrigados
    Carlos

  21. Patricia diz:

    Boa tarde, gostaria de saber se será seguro ou não importar uma maquina de estética da china, visto serem muito mais em conta, e quais os passos a seguir?Há risco de a máquina ficar retida? Obrigada

    • Nuno Casimiro diz:

      Olá Patricia

      Existem os seus riscos. Se o valor da máquina for elevado, existe essa probabilidade.
      A questão da garantia também pode ser um assunto a refletir.

      Votos de sucesso

  22. Charles Parreirao diz:

    ola caros leitores, procuro investidores para diferentes áreas, me localizo em Moçambique…

  23. susana diz:

    Olá, gostava de saber mais sobre a importação porque ando tentada em abrir uma loja com produtos da china (vestuario), mas nao sei bem como funciona a alfandega
    Obrigado

  24. Luis diz:

    Boa tarde,

    Relativamente ao tópico em questão de como se processa a compra e venda da china parece simples, no entanto, para além das questões alfandegárias já colocadas, se eu venda particularmente produtos da china em Portugal e obtiver boa rentabilidade, como se processa em termos fiscais? e em termos de facturação e dedução de IVA?
    Tenho tido muitas dificuldades em obter respostas a estas questões o que abranda um pouco a minha decisão de iniciar a atividade.

    Alguém me poderá ajudar a esclarecer?

    Um abraço a todos,
    Luis R.

    <>

  25. Mafalda Vale diz:

    Boa tarde,
    A minha questão é saber se é permitido importar artigos por exemplo do aliexpress e vendê-los em loja física?
    Obrigada

  26. luis diz:

    Boa noite gostaria de abrir uma loja de um euro não sei põe-r onde começar
    Queria comprar marcadoria barato para vender ca no porto podem me ajudar



AVISO:Todos os artigos publicados no blogue investidor.pt são puramente informativos e não podem ser confundidos com aconselhamento financeiro.