Abrir um negócio com pouco dinheiro

dinheiroMuitas pessoas têm interesse em abrir um negócio com pouco dinheiro ou criar uma empresa onde seja necessário um investimento reduzido na fase inicial do negócio. A pensar nessas pessoas vou desenvolver este assunto e é também um bom tema para iniciar o ano.

Muitas são as vantagens em fazer uma abordagem conservadora ao mercado e limitar as perdas pela via da redução do investimento. Se se investe pouco, perde-se pouco, mesmo que se perca todo o investimento. Este facto motiva até as pessoas com menor vocação para o risco a pensar iniciar um negócio.

Pensar em iniciar um negócio,  já é um começo

Quem pensa em criar um negócio, já está no bom caminho, pois esta é uma das fases que levam à criação de um novo negócio. Existem pessoas que preferem ser trabalhadores por conta de outrem e têm as suas razões, algumas dessas razões podem ser encontradas no artigo, motivos para não criar uma empresa. Um artigo que pode ser útil para quem está agora a querer iniciar um negócio e que pode servir para alinhar ideias planear a criação de uma empresa que pode também ser aplicado na óptica de um negócio.

Criar um negócio com pouco dinheiro

O conceito de pouco dinheiro é algo subjectivo, pois o pouco diz respeito ao que cada um considera para si e ao negócio em si. Pois 5000€ podem ser um investimento alto em alguns negócios e pode ser ridiculamente baixo em outros. Tudo dependerá do dinheiro e património que cada um tem. Para alguém com posses reduzidas, 10 mil euros representam um investimento avultado enquanto que para outros esses 10 mil Euros são “trocos”.

Cada pessoa é diferente das demais, tal como o património de cada um também é singular. Não foi por acaso que os artigos com ideias para investir se iniciaram nos 500€, 1000€ e 2500€, pois mostram que com pouco dinheiro já é possível fazer alguns empreendimentos. O mais importante é sempre a vontade de cada um em atingir determinado fim ou objectivo.

Exemplos

O mais difícil é encontrar ou escolher um negócio para desenvolver, pois as alternativas são imensas. O artigo negócios femininos que estão na moda podem ser encontrados 4 exemplos concretos de iniciativas que estão a ser desenvolvidas por empreendedoras portuguesas um pouco por todo o país.

Um outro exemplo de um negócio com reduzido investimento inicial é a compra e venda de carros baratos. Por exemplo comprar automóveis até 500€, para posteriormente vender entre 600 e 1000€.  As margens são atrativas e como foi evidenciado no artigo comprar e vender carros para rentabilizar o tempo livre. Para o exemplo descrito, com um investimento de 5000€, consegue comprar-se mais de 10 carros. Evidentemente que existem riscos associados a este tipo de negócio, por exemplo avarias e há ainda a considerar outros aspectos como sejam os impostos e as inspecções.

Para quem desejar utilizar a internet para criar um pequeno negócio o investimento inicial é ainda menor e os retornos apetecíveis, tal como já foi mencionado e pode ser constatado nos artigos: criar sites empresariais ou ganhar dinheiro a fazer sites gratuitos.

Financiar o negócio

Financiar um negócio de baixo investimento inicial é fácil e as opções são variadas. Para financiar onde é necessário pouco dinheiro, podem ser utilizadas as poupanças de cada um, recorrer ao microcrédito ou até mesmo utilizar o saldo de um cartão de crédito. Todas as outras formas de financiar um negócio ou empresa podem ser encontradas no artigo financiar uma ideia de negócio e que deverá ser acompanhado da leitura do artigo que se foca em aspectos importantes para o financiamento a empresas.

Fazer muito com pouco dinheiro

Mas, abrir um negócio com baixo investimento inicial é uma ideia de mérito, pois é o ponto de partida para se iniciar no mundo dos negócios. Já aqui foram apresentadas muitas ideias de/para criar este tipo negócios.

Resumidamente quase todos os negócios que são desenvolvidos a partir de casa se podem enquadrar neste objectivo. Os negócios de prestação de serviços também têm muitas vezes necessidade de investimento reduzido, pois não são necessárias instalações nem trabalhadores.

Artigos que podem ser interessantes e que podem completar as ideias deixadas em aberto:

É boa ideia e é possível abrir um negócio com pouco dinheiro, mas melhor do que isso é mesmo pensar no retorno que se pode conseguir com actividades empresariais ou com negócios.  Com pouco dinheiro é possível fazer e ganhar muito, basta juntar trabalho, empenho e  foco misturando com um pouco de visão e um pouco de sorte a acompanhar.

Subscrever actualizações

rss

Comentários

  1. francisco mangue diz:

    e uma dica empreendedora, e me vai ajudar muito pa iniciar uma ideia nova

  2. Selcio Paulo diz:

    Achei construtivo.

  3. Joana diz:

    Boa tarde Dr. Nuno Casimiro,

    Eu tenho uma ideia para negócio, já pesquisei o seu blogue de trás para a frente e de frente para trás. Não sei por onde começar, um plano de negócios seria o ideal mas tenho algumas dificuldades em elaborá-lo, nomeadamente nas previsões de venda… será que me pode ajudar?

    Atenciosamente,

    Joana Duarte

  4. Neto diz:

    Bom dia,
    Gostaria de abrir um pequeno negocio para mim, pois trabalhar para outrem tem muito que se lhe diga.

    O meu marido já tem um negoicode distribuiçao de carne com os pais,

  5. Neto diz:

    Bom dia,
    Gostaria de abrir um pequeno negocio para mim, pois trabalhar para outrem tem muito que se lhe diga.

    O meu marido já tem um negocio de distribuiçao de carne com os pais,e gostaria de algo no mesmo ramo, pois trabalhei 5 anos no mesmo ramo.

    só que nao sei por onde começar e o que fazer de diferente para tornar o negocio mais rentavel, já que as grandes superficies teem preços super baixos a comparar com os talhos tradicionais.

  6. Denner diz:

    Tenho um carrinho de churrasco com o meu pai, só que ainda não começamos a trabalhar, estamos meio perdido como fazer o nosso pequeno negócio começar a funcionar gostaria de uma dica , se possível me mande por e-mail
    Muito obrigado desde já
    .

  7. luis henriques diz:

    Bom dia! Obrigado pelas suas sugestões. Gostaria de pedir a sua ajuda sobre um possível investimento que pretendo fazer, uma loja de roupa para criança e grávidas em 2ª mão já existente, seria portanto um trespasse. Aminha dúvida prende-se sobre que informações deveremos pedir ao dono actual do negócio para que consigamos perceber da viabilidade do mesmo, contas dos últimos 6 meses? Ou algo do género? Agradeço desde já a sua ajuda. Cumprimentos, luis henriques

  8. alex diz:

    meu pensamento é abrir meu próprio negócio mais eu não sei nada a economia eu tenho guardado mais não sei oque abrir. estou cansado de ser empregado do patrão quero ser o patrão dos empregados

  9. Carla Rodrigues diz:

    Boa tarde
    Estou desempregada e como tenho 45 anos e dificil arranjar emprego entao eu lembrei me de abrir o meu proprio negosio mas nao tenho dinheiro mas sei que ha empresas que ajudam .
    Pode me indicar alguma de confiança .
    obrg.



AVISO:Todos os artigos publicados no blogue investidor.pt são puramente informativos e não podem ser confundidos com aconselhamento financeiro.